sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Acaso

O acaso não existe, se o tivermos em conta de um acontecimento estúpido, sem qualquer programação, à deriva dos demais acontecimentos. Isto significaria uma desordem no conjunto harmônico do universo. Não foi por acaso que Jesus escolheu Judas como seu discípulo. Não foi por acaso que Jesus deixou-se crucificar. Não foi por acaso que a vida surgiu no universo. Não será por acaso que o ser humano encontrará o seu rumo e modificará a existência, tornando-a um hino de louvor à vida. (JOANNA DE ÂNGELIS, em "O amor como solução", 2006)

Nenhum comentário:

Postar um comentário